A+ a- Texto

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Meia noite e um pouquinho na virada de ano pra 2015


"Não adianta nem tentar me esquecer, por muito tempo em sua vida eu vou viver... "

Meu amor, meu Juju, minha vida, são muitos momentos felizes, esse aqui foi mais um recheado de alegria e felicidade.
Minha mãe gosta muito de fazer a comida de fim de ano em casa, e Juju participava junto disso tudo e assistia a vovó Luiza a preparar tudo. Eu intercalava entre ficar com meu filho e meu pai ajudar a mamãe, e também meu pai ficar com ele pra poder ajudar mamãe. Um revezamento divertido. Rotina tranquila. Ao som de músicas infantis, melody e dance. O dia voava até a noite esperada. O importante sempre foi comemorar mais um ano juntos, lado a lado, esperando meia noite passar ao som das nossas músicas, comer a noite a janta do ano e ver os fogos que o povo do bairro gosta de mostrar todo ano. Aqui também brilha como se fosse na orla da cidade. Bons momentos juntos. 

Meia noite e um pouquinho, virada de 2015, eu, Juju, mamãe (vó Luiza) e papai (vô Arlindo)