A+ a- Texto

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Sorrindo a favor do vento


Ano começando, retomar as postagens aqui também é bom, estive afastada do blog ano passado, problemas de saúde com minha mãe, e com a graça de Deus está melhorando mais. Assim respiro mais aliviada. Juju está crescendo bem, quase do meu tamanho ainda consigo carregá-lo sozinha feito neném, tenho orgulho dessa minha proeza, mas confesso que é uma manobra arriscada, exige técnica e bastante cuidado.
Claro que o certo é carregá-lo com ajuda de outra pessoa, mas no dia a dia eu acabo fazendo sozinha, mas também conto com ajuda do meu pai, Arlindo, vô cuidadoso. Em breve posto uma foto carregando ele e aviso pra não fazerem isso em casa sem a devida prática e experiência... hehehhe.

Falando de como Juju está grande, não posso deixar de dizer uns detalhes básicos, como o combate a acne, ele sofre e estou tentando amenizar esse problema, de vez em quando acaba estourando uma espinha sem querer, devido sua coordenação motora e a vontade de coçar rosto, aí já viu, imprevisível. A suave presença de um bigode já começa marcar a pré-adolescência. Muito diferente acompanhar a evolução de um menino se tornando homem, uma experiência fascinante e que poucos pais podem ter assim em seus detalhes particulares. 

Além da mudança física, a voz também está variando entre agudo e grosso, risadas mais marcantes. A percepção auditiva também está bem melhor, não que antes não estivesse, mas é visível o quanto ele se baseia mais pelo som, tanto que qualquer barulho que ele não esteja preparado ele acaba se assustando, e infelizmente alguns desses sustos podem virar convulsão, com isso acabou tomando dois anticonvulsivos pra tentar amenizar. Graça a Deus não é o tipo de convulsão que necessite da emergência hospitalar, porque se limita alguns segundos, o suficientes pra deixá-lo extremamente cansado, os remédios diminuíram a frequência, mas ainda está sob avaliação médica. Aos poucos as coisas estão se acertando, em outro post conto mais :)

Abraxos!!