A+ a- Texto

sábado, 9 de abril de 2011

A escola e as crianças com necessidades especiais

Educação inclusiva nas escolas, isso hoje em dia é um tema muito abordado e discutido entre educadores, pais e responsáveis por crianças com necessidades especiais. O ministério da Educação baixou um informe avisando a todas as instituições que mantem vínculo com estas crianças, que precisariam também participar de aulas comuns junto com as crianças ditas normais. Isso ajuda a criança especial interagir com o mundo além daquele presente no convívio familiar, fazendo ampliar seu horizonte sensorial e congnitivo de forma gradual e significativa para seu desenvolvimento.

A única coisa que o ministério da educação não se atentou foi a falta de estruturação física dos ambientes que acomodaram os alunos especiais e a falta de preparo educacional para as pessoas que cuidarão desses alunos. Salvo algumas escolas que possuem tais adequações, mas para a tristeza de nós pais, são poucas as escolas públicas que possuem todos os aparatos para fazer de fato a inclusão social para todos.

Matriculei meu filho recentemente em uma escola pública para cumprir a determinação do ministério da educação. Graças a Deus meu filho foi bem recebido pelos professores e coleguinhas da turma que participa. Ele passa uma hora assistindo a aula comum, uma vez por semana. Foram incluídos mais dois dias de aulas com a professora do ensino especial, porém como na sala onde será feito o atendimento ainda não possui alguns itens pedidos pela própria professora (som, ar condicionado, outros...) só levarei meu filho quando esta exigência for cumprida, espero sinceramente que seja o mais breve possível.

Eu gostaria de saber como é que está o atendimento nas escolas públicas desse nosso país, se realmente as crianças com necessidades especiais estão sendo atendidas devidamente e suas necessidades estão sendo supridas de forma clara e significativa para um desenvolvimento pleno e feliz.

Desejo saúde e sucesso aos pais na busca pela escola ideial.