A+ a- Texto

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Dica sobre Refluxo: O que é e como lidar com isso

Tenho algumas informações valiosas em pequenos livretos que a Rede Sarah de Macapá forneceu para os seus pacientes. Então, acho que isso é importante para ajudar quem esteja passando por esse tipo de problema. Irei falar de Refluxo Gastroesofágico.

Ele se manifesta por vômitos ou regurgitação (golfadas) logo após as refeições, acontecendo principalmente no primeiro ano de vida. Algumas vezes a criança não regurgita e por isso o reflexo não é notado. Pode levar à pneumonia, aumento da secreção pulmonar, esofagite, irritabilidade, dificuldade para dormir, perda de peso ou dificuldade de ganhar peso. Nem todo refluxo representa uma doença, porém é importante seguir algumas recomendações.

  • Tente oferecer refeições de pequeno volume.
  • Aumento a quantidade de refeições por dia, mantendo sempre horários regulares (café da manhã, lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e ceia).
  • As consistências pastosas ou semi-pastosas são as mais facilmente digeridas.
  • Ofereça líquidos os líquidos sempre em pequenos volumes a cada vez.Evite tomá-los durante as refeições, sempre meia hora antes ou depois das mesmas.
  • Prefira alimentos na temperatura morna ou fria, evitando extremos (muito quente ou gelada).
  • Ofereça os alimentos à criança vagarosamente, respeitando o seu ritmo de comer.
  • Não faça a criança sorrir e não estimule a falar durante a refeição.
  • Não alimente enquanto a criança estiver chorando.
  • Posicione a criança semi-sentada durante a refeição. Para isso use uma cadeira, cadeira de rodas, bebê conforto, carrinho ou cadeira infantil.
  • Após alimentar a criança não faça nenhum tipo de pressão ou força para que ela arrote. Mantenha a nesta posição semi-sentada por aproximadamente uma hora ou mais se puder.
  • Coloque-a deitada, de preferência virada para o lado direito e com a cabeceira da cama elevada no mínimo 20 a 30 cm. Para isso utilize um tijolo ou tocos de madeira na base da cama. O travesseiro apoiando somente o pescoço e a cabeça não ajudará.
  • Não chacoalhe a criança após as refeições.
  • Evite o uso de roupas apertadas ou que causem desconforto.
  • Não pressione o abdômen da criança ao abraçá-la ou durante a troca de fraldas.
  • Se fizer o uso de algum medicamento para o refluxo, ele deve ser dado 20 a 30 minutos antes das principais refeições conforme orientação médica.
Obs: Em cado de dúvida consulte um nutricionista